sábado, 24 de julho de 2010

Morr Music!





Acho importante conhecer diferentes formas de se criar e fazer música. É dispensável, mas vale frisar que o panorama musical mundial hoje é complexo e influenciado pelo avanço tecnológico.
A partir da pesquisa de artistas que atuarão na mostra ROJO®NOVA - Cultura Contemporânea do MIS(Museu da Imagem e do Som) – tais com ISAN –, cheguei a esse termo curioso: Morr Music.
Segundo consta na Wikpedia, Morr Music é o selo de um tal Thomas Morr. Os artistas que compõem o time deste selo refletem o gosto pessoal de Thomas. Um estilo híbrido que resulta da fusão de música eletrônica e indie rock ou shoegazer rock .
Do que tenho ouvido até agora, e gostado, essa definição me parece adequada:
“The shoegazing sound is represented here through the deployment of pop-rock melodies buried under layers of digital signal processing effects, such as distortion and reverb.”

As definições e artistas podem ser conferidos aqui:
http://www.morrmusic.com/
http://en.wikipedia.org/wiki/Morr_Music

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Arte caiçara






A definição da palavra caiçara traz em si o componente da miscigenação: portugueses, índigenas e negros.



Nessa viagem feita no final do ano passado vimos e ouvimos um pouco da música caiçara da região de Iguape.



Ao lado, o luthier Walter explica a construção de uma viola que lembra muito a vihuela de cinco ordens (penísola ibérica, século XVI).



quarta-feira, 21 de julho de 2010

Uma tarde

Uma gravação um tanto ruim, mas...

video

Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, São Paulo, Brazil
Pedro Nunez musicoterapeuta formado pela Faculdade Paulista de Artes, arte-educador, oficineiro de musicalização em projetos da ASSAOC. Atualmente cursa a Licenciatura em Música na Faculdade Mozarteum e faz parte do Grupo de Pesquisa em Música do CCBB. Sua área de interesse no momento são as relações entre artes visuais e música.